SISTEMAS DE PROTEÇÃO CONTRA EXPLOSÕES

A IEP Technologies é líder mundial no fornecimento de soluções abrangentes e proteção contra explosões para perigos por poeira. Conduzimos milhares de testes de explosão de larga escala para melhorar o entendimento da ciência por trás da propagação da chama e verificar nossas soluções de proteção que incluem ventiladores de explosão certificados pela ATEX, ventilação de explosão sem chama, sistemas de supressão de explosão, sistemas de isolamento de explosão e detectores de explosão. Nossos produtos são aprovados pela FM e obedecem à ATEX, e a IEP Technologies é a única fornecedora na indústria com ferramentas de cálculo de projeto que obedecem à ATEX. Isso significa que todos os projetos usam as ferramentas de cálculo de projeto que obedecem à ATEX.

Sistemas De Proteção Contra Explosões


Um sistema de supressão de explosão consiste de três componentes: (i) detector; (ii) unidade de controle e (iii) supressor(es). No evento de uma ignição, a bola de fogo se expande do núcleo da ignição com a onda de pressão (criada pelo aumento na temperatura) e viaja à frente da frente de chama. Os detectores de pressão de explosão são configurados para responder ao aumento de pressão característico em milissegundos.
A unidade de controle de supressão de explosão recebe o sinal de detecção dos sensores de pressão e envia um sinal de liberação de supressor(es) de explosão. O supressor é injetado no reservatório protegido em grande quantidade e alta velocidade usando bocais projetados para dispersá-lo e engolfar a crescente bola de fogo. Isso resfria a bola de fogo rapidamente, mitigando ainda mais a combustão e reduzindo a pressão de explosão. Os sistemas químicos e mecânicos de isolamento de explosão são integrais no projeto da maioria dos sistemas de supressão de explosão para reduzir o risco de propagação de chama/explosão aos equipamentos de processamento conectados.

De volta ao fluxograma

Supressor Pistonfire III

Supressor Pistonfire III

Supressor Pistonfire III

Supressor Pistonfire III

Detector de pressão estática

Detector de pressão estática

Painel de controle EX 200

Painel de controle EX 200

Sistemas de isolamento de explosão


Os sistemas de isolamento de explosão são projetados para detectar uma explosão em um reservatório do processo, e assim cria uma barreira que reduz o risco de propagação de chama/explosão aos outros equipamentos conectados. Tal propagação de explosão pode dar vazão a uma explosão aumentada em qualquer reservatório conectado, mais intensa do que se espera pela simples ignição naquele reservatório. O isolamento da explosão é um método comprovado de redução do risco de tais explosões aumentadas, e talvez seja uma exigência essencial para se obter uma redução de risco suficiente do sistema geral de proteção contra explosões.
O isolamento da explosão pode ser aplicada aos reservatórios protegidos por sistemas de contenção, supressão ou ventilação. Existem três tipos básicos de sistemas de isolamento de explosão:

Isolamento químico: libera um supressor de explosão na rede de dutos que irá suprimir a propagação da frente de chama, reduzindo a possibilidade de alcançar os equipamentos interconectados ou áreas da fábrica.
Isolamento mecânico ativo: aciona a liberação de uma válvula de alta velocidade para formar uma barreira química na tubulação. As barreiras mecânicas fornecem proteção contra chama E TAMBÉM propagação de pressão aos equipamentos interconectados. Um painel de controle e um detector de explosão são necessários como parte desse sistema.
Isolamento mecânico passivo: uma válvula no duto que fecha pela reação à onda de pressão de explosão pode ser usada como isolamento dos dutos interconectados dos reservatórios de processamento equipados com proteção contra explosões. Geralmente não são necessários controles ou sensores adicionais.

De volta ao fluxograma

Válvula de isolamento passivo Ventex

Válvula de isolamento passivo Ventex

Válvula de isolamento passivo IFV

Válvula de isolamento passivo IFV

Detector de infravermelho

Detector de infravermelho

Cabeçote de isolamento de saída única/dupla

Cabeçote de isolamento de saída única/dupla

Sistemas de ventilação de explosão


A ventilação de explosão implica a incorporação de um painel ou membrana quebrável no topo ou dentro dos equipamentos de processamento da fábrica para que a pressão excessiva de uma explosão seja liberada para a atmosfera. A ventilação é uma estratégia de proteção contra explosões comprovada onde puder ser aplicada com segurança.
Por muitos anos, a estratégia mais comum de proteção contra explosões foi a ventilação. Se usada corretamente, a ventilação de explosão continua a ser uma estratégia viável. Como a ventilação geralmente é o método mais econômico de proteção contra explosões, há circunstâncias onde ela é impraticável e a supressão de explosão é uma opção preferível.

Como o objetivo da ventilação da explosão é liberar a pressão excessiva da explosão antes que o reservatório do processo seja danificado, as poeiras e vapores queimados e não queimados são liberados pela abertura de ventilação. A bola de fogo ejetada, com um volume típico de oito vezes o volume do reservatório ou até maior, deve ser liberada para uma área segura. É importante notar que, como a ventilação de explosão só libera as pressões de deflagração do reservatório de processamento ventilado, deve-se esperar incêndios de pós-explosão. As medidas apropriadas de controle de incêndio devem ser incorporadas ao projeto de segurança da planta de processamento. Além disso, a propagação da explosão pela rede de dutos conectados pode ocorrer, portanto é necessário o isolamento da explosão.

De volta ao fluxograma Obter folheto

Ventilador sem chama EVN

Ventilador sem chama EVN

Ventilador sem chama EXL

Ventilador sem chama EXL

Ventilador de liberação de explosão

Ventilador de liberação de explosão


Preocupado com seu risco de explosão?
Obtenha agora a opinião de um especialista!